Quarta, 21 de Abril de 2021 18:44
67984690667
Esportes Paralimpíada

Rodolpho Riskalla é campeão em provas de adestramento

No Catar, cavaleiro vence duas provas de Grau IV em dias seguidos

26/02/2021 15h34 Atualizada há 1 mês
Por: Redação Fonte: EBC
Rodolpho Riskalla é campeão em provas de adestramento

Nesta sexta-feira (26), o cavaleiro brasileiro Rodolpho Riskalla venceu a prova de adestramento Grau IV no Concurso Internacional CPEDI3* Shaqab, em Doha, Catar. Montando o experiente Don Henrico, cavalo hannoverano de 18 anos, ele faturou a prova com o aproveitamento de 77,114%. Na quinta-feira (25), ele já havia vencido outra prova no mesmo Concurso. O aproveitamento na primeira vitória foi de 76,468%. "Fiquei supercontente com minhas provas. O Don Henrico está muito bem e conseguir competir no meio dessa pandemia do coronavírus (covid-19), em que muitas provas são canceladas. É muito importante na preparação para os Jogos Paralímpicos. Agora temos mais um dia de prova e tenho que continuar indo bem", destacou Riskalla à equipe do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

Forte candidato à medalha em Tóquio

Rodolpho, hoje com 37 anos, pratica adestramento desde a infância e aderiu ao adestramento paraequestre no início de 2016, seis meses após a perda da parte inferior das duas pernas, a mão direita e dedo da mão esquerda em decorrência de uma meningite. Menos de um ano depois defendeu o país nos Jogos Paralímpicos Rio 2016 e, em 2018, foi o melhor brasileiro nos Jogos Equestres Mundiais 2018 nos EUA, com duas medalhas de prata no adestramento paraquestre.

O cavaleiro morou na França cerca de 10 anos e recentemente mudou-se para Alemanha, onde conta com três cavalos à disposição. Além do adestramento paraquestre, Rodolpho também compete com sucesso em provas de adestramento convencional.

Don Henrico, sua montaria na competição esse final de semana em Doha, é de propriedade da ex-amazona olímpica alemã Ann Katrin Lisenhof.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.