Sábado, 19 de Setembro de 2020 10:36
67984690667
Saúde Corpo saudável

Fibromialgia: a acupuntura pode aliviar os sintomas?

A fibromialgia pode ser difícil de tratar, e uma combinação de tratamentos pode ser necessária para controlar seus sintomas

13/08/2020 09h46
Por: Redação Fonte: Mayo Clinic
Fibromialgia: a acupuntura pode aliviar os sintomas?

A acupuntura parece reduzir modestamente muitos tipos de dor crônica, então não é surpreendente que muitas pessoas com fibromialgia estejam interessadas em experimentá-la. Embora os estudos sobre a eficácia da acupuntura para os sintomas da fibromialgia sejam um tanto confusos, a maioria sugere que ela pode ter um papel benéfico.

A acupuntura envolve a inserção de agulhas muito finas em várias profundidades em pontos estratégicos do corpo. Eles geralmente são deixados no local por 20 a 30 minutos e às vezes são estimulados pela adição de calor ou eletricidade. Quando realizada por um profissional treinado, a acupuntura apresenta poucos riscos.

A fibromialgia pode ser difícil de tratar, e uma combinação de tratamentos pode ser necessária para controlar seus sintomas. Se você está tendo problemas para encontrar alívio para a dor da fibromialgia, pode valer a pena tentar a acupuntura. Mas se os seus sintomas não melhorarem dentro de algumas semanas, a acupuntura pode não ser o tratamento certo para você.

A fibromialgia é hereditária?

A fibromialgia não é passada diretamente de pais para filhos, mas o distúrbio parece se agrupar dentro das famílias.

A probabilidade de desenvolver fibromialgia é várias vezes maior nas famílias imediatas de pessoas com fibromialgia do que em famílias nas quais ninguém tem fibromialgia.

Na verdade, estudos de DNA de familiares de pessoas com fibromialgia e outras síndromes de dor crônica revelaram uma série de genes que podem ajudar a explicar por que esses distúrbios parecem ocorrer em famílias.

Cada um desses genes desempenha um papel na resposta do sistema nervoso à dor. Alguns dos mesmos genes também estão associados à depressão e à ansiedade, o que pode ser o motivo pelo qual certos medicamentos antidepressivos ajudam a reduzir os sintomas da fibromialgia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.