Quarta, 23 de Junho de 2021 14:21
67984690667
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Comissão rejeita projeto sobre prova documental para liberação do porte de arma

Proposta pretende evitar que produtos sejam jogados no lixo comum ou na rede pública de esgoto

11/06/2021 15h15
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Mara Rocha:
Mara Rocha: "Projeto apresenta considerações extremamente genéricas e abstratas - (Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados)

A Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados rejeitou na segunda-feira (7) o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 376/20, que pretende sustar orientação dada pela Polícia Federal (PF).

Segundo o projeto rejeitado, a Instrução Normativa 174/20 da PF reproduz ilegalidades do Decreto 9.845/19, inovando o ordenamento jurídico com norma infralegal e para além do Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826/03). Aquele decreto trata de aquisição, cadastro, registro e posse de arma de fogo e de munição.

A relatora, deputada Mara Rocha (PSDB-AC), discordou da proposta. “O projeto apresenta considerações extremamente genéricas e abstratas, sem a indicação de qualquer elemento concreto para amparar a pretendida sustação”, anotou.

A proposta em análise na Câmara é de autoria do deputado Alessandro Molon (PSB-RJ). Para ele, a instrução normativa “claramente viola o rigor exigido pelo Estatuto do Desarmamento” ao dispensar comprovação documental diante da eventual alegação de que “fato público e notório” justifica o porte de arma.

Tramitação
O projeto ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois seguirá para o Plenário.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.